Mindfulness e Preocupação

O foco da atenção tem que estar no presente

Muitas vezes, estamos tão presos em pensamentos sobre o futuro ou o passado que nos esquecemos de experimentar, quanto mais desfrutar, o que está a acontecer agora.

Em vez disso, aprecie ou desfrute o que você está a fazer no momento presente - o que os psicólogos chamam de saborear o momento. "Pode fazê-lo quando está a comer uma massa, a tomar um banho ou aquecendo-se ao sol. Você pode estar saboreando um sucesso ou saboreando uma música", explica Sonja Lyubomirsky, psicóloga da Universidade da Califórnia em Riverside. Estar no presente no momento "Geralmente envolve os sentidos."

Quando os participantes de um estudo de Schueller dedicavam alguns minutos por dia a saborear com atenção plena uma coisa que normalmente faziam automaticamente - comer, beber uma um chá, caminhar -, começaram a sentir mais alegria, felicidade e outras emoções positivas e menos sintomas depressivos.

Porquê viver no momento presente faz as pessoas mais felizes? Não apenas no momento em que estão a prestar atenção, mas de forma duradoura? Porque a maioria dos pensamentos negativos dizem respeito ao passado ou ao futuro.

A marca da depressão e da ansiedade é a catastrofização - preocupar-se com algo que ainda não aconteceu; e pode não acontecer. A preocupação, na sua própria natureza, significa pensar sobre o futuro e se você desperta a consciência para o momento presente, a preocupação desaparece.

O outro lado da preocupação é que ela é um ato mental ruminante, no sentido em que os pensamentos revolvem sempre sobre um passado que já foi e não se pode fazer nada. E novamente, se você colocar o foco da atenção no agora, a ruminação para. Saber apreciar da força a estar no presente, e nesse sentido é impossível preocupar com coisas que não estão lá.