Marcar Psicoterapia Ligue

Para marcar Consulta Ligue: 914375055 / 961404950

Marcar Psicoterapia Envie Pedido

Que Psicoterapia Procura?

 Consulta Psicologia Individual 35€ Clínica Psicologia Lisboa: Consulta psicologia ou psicoterapia para Adultos
Psicólogo Lisboa: Psicólogo Lisboa ou Psicoterapeuta Lisboa
 Terapia de Casal 40€ Clínica Psicologia Lisboa Terapia de Casal: Consulta de Terapia de casal
Terapeuta Casal: Psicólogos especializados em Terapia de Casal
 Terapia Familiar 50€ Clínica Psicologia Lisboa Terapia Familiar: Consulta de Terapia Familiar
Psicoterapeuta Familiar: Psicólogos Lisboa especializados em Terapia Familiar

Perturbação da Personalidade Anti-social

Perturbação da Personalidade Anti-social

A Perturbação da Personalidade Anti-Social é uma perturbação que é caracterizada por um padrão estável de desrespeito e desconsideração pelos direitos ou necessidades de outras pessoas, ultrapassando e violando frequentemente os limites do que é importante para a outra pessoa.

É muito frequente que uma pessoa com Perturbação da Personalidade Anti-Social sinta muito pouco ou nenhuma empatia para com as outras pessoas, e não encontram problemas em “passar por cima” ou encontrar formas de satisfazer as suas próprias necessidades, vontades e desejos. A Perturbação da Personalidade Anti-Social tem a sua origem na infância ou na adolescência e continua pela vida adulta.

Habitualmente chama-se psicopatia ou sociopatia à Perturbação da Personalidade Anti-Social.

As pessoas com Perturbação da Personalidade Anti-Social têm frequentemente uma falta de empatia e tendem a descartar, invalidar e desdenhar dos sentimentos, direitos e sofrimento de outras pessoas.

As pessoas com Perturbação da Personalidade Anti-Social têm uma percepção empolada e arrogante de si mesmas, ou seja, tudo aquilo que é comum e normal para as outras pessoas é considerado baixo para uma pessoa com Perturbação da Personalidade Anti-Social. Este traço da personalidade é muitas vezes objecto de admiração por outras pessoas porque o confundem com reconhecimento do valor pessoal ou elevada auto-estima. No entanto, na Perturbação da Personalidade Anti-Social está também a característica de serem excessivamente opinativos e convencidos, como se só eles tivessem razão, desdenhando das preferências, opiniões e gostos das outras pessoas.

É frequente as pessoas com Perturbação da Personalidade Anti-Social mostrarem um charme cativante, com uma superficialidade na abordagem dos assuntos, mesmo aqueles que parecem difíceis de resolver, que impressiona qualquer pessoa. No entanto, percebe-se nesse charme uma séria dificuldade em aprofundar temas e resolver questões de fundo, principalmente aquelas que dizem respeito a sentimentos, opiniões e valores das outras pessoas. Quando colocado numa posição de que têm que aprofundar temas para alem dessa superficialidade, tornam-se voláteis e até explosivos. É aí que o charme desaparece.

A falta de empatia, um sentido de si mesmo insuflado e um charme superficial são características que têm sido encontradas nas tradicionais concepções de psicopatia e são características salientes nas pessoas com Perturbação da Personalidade Anti-Social.

Como é que a Perturbação da Personalidade Anti-Social é diagnosticada?

As Perturbações da Personalidade como a Personalidade Anti-Social são diagnosticadas por uma profissional em saúde mental, tal como um psiquiatra ou um psicólogo. Os médicos de outras especialidades assim como outros profissionais de saúde não têm a formação adequada para fazer este tipo de diagnóstico.

Neste sentido, mesmo que uma pessoa procure obter respostas para este problema com um médico com outra especialidade, esse especialista deverá indicar um psiquiatra para que seja feito um diagnóstico correcto e um tratamento adequado. Não existem testes de laboratório, ao sangue ou genéticos que permitam o diagnóstico da Perturbação da Personalidade Anti-Social.

A maioria das pessoas com Perturbação da Personalidade Anti-Social não procura tratamento.

O diagnóstico de Perturbação da Personalidade Anti-Social feito por um profissional de saúde mental tem por base os sintomas e a narração da história de vida da pessoa. Nesse sentido, só poderá ser feito em contexto de uma consulta de psiquiatria ou psicologia.

Perturbação da Personalidade Anti-SocialCausas para a Perturbação da Personalidade Anti-Social

A investigação não apurou até hoje quais as causas para a Perturbação da Personalidade Anti-Social apesar de existirem muitas teorias. Alguns especialistas apontam para um modelo biopsicossocial, ou seja, as causas estão associadas a factores biológicos ou genéticos, a factores relacionados com a interacção com outras pessoas durante o desenvolvimento infantil e na adolescência, e a factores psicológicos como as estratégias que a mente encontra para lidar com a vergonha, a culpa, a desvalorização e a injustiça durante o crescimento infantil e juvenil. Isto sugere que não existe um único factor responsável, mas antes uma interligação de múltiplos factores. A investigação acrescenta evidencias que se uma pessoa apresenta uma Personalidade Anti-Social é muito provável que “passe” esse tipo de personalidade para os filhos.

Tratamento da Perturbação da Personalidade Anti-Social

O tratamento da Perturbação da Personalidade Anti-Social envolve essencialmente a psicoterapia de longa duração com um psicoterapeuta especializado em perturbações da personalidade. A medicação deve ser tida em linha de conta para minimizar os efeitos dos sintomas na vida da pessoa e na vida das outras pessoas que com ela vivem.

Sintomas da Perturbação da Personalidade Anti-Social

A Perturbação da Personalidade Anti-Social é diagnosticada quando uma pessoa apresenta um padrão de desconsideração e violação dos direitos das outras pessoas conforme indicado por três (ou mais) dos seguintes:

  • Fracasso em ajustar-se às normas sociais relativas a comportamentos legais, conforme indicado pela repetição de actos que constituem motivos de detenção.
  • Tendência à falsidade, frequentemente indicado por mentiras repetidas, uso de nomes falsos ou de trapaceiras para ganho ou prazer pessoal.
  • Impulsividade ou fracasso em fazer planos para o futuro.
  • Irritabilidade e agressividade, conforme indicado por repetidas lutas corporais ou agressões físicas.
  • Repetida falta de responsabilidade pela sua própria segurança ou dos outros.
  • Irresponsabilidade constante, indicado por falha repetida em manter uma conduta consistente no trabalho ou honrar obrigações financeiras.
  • Ausência de remorso, indicado pela indiferença ou racionalização em relação a ter ferido, maltratado ou roubado outras pessoas.

B.  O indivíduo tem no mínimo 18 anos de idade.

C.  Há evidências de transtorno da conduta com surgimento anterior aos 15 anos de idade.

D.  A ocorrência de comportamento anti-social não se dá exclusivamente durante o curso de esquizofrenia ou transtorno bipolar.

 

Marcação de Consulta

961404950 914375055

Que Psicoterapia Procura?

 Consulta Psicologia Individual 35€ Clínica Psicologia Lisboa: Consulta psicologia ou psicoterapia para Adultos
Psicólogo Lisboa: Psicólogo Lisboa ou Psicoterapeuta Lisboa
 Terapia de Casal 40€ Clínica Psicologia Lisboa Terapia de Casal: Consulta de Terapia de casal
Terapeuta Casal: Psicólogos especializados em Terapia de Casal
 Terapia Familiar 50€ Clínica Psicologia Lisboa Terapia Familiar: Consulta de Terapia Familiar
Psicoterapeuta Familiar: Psicólogos Lisboa especializados em Terapia Familiar